Logística portuária: entenda o que é e os impactos no processo logístico!

Tempo de leitura: 4 minutos

O comércio exterior tem crescido anualmente, e cada vez mais empresários enxergam as possibilidades que esse segmento tem a oferecer. Dado o contexto, a logística portuária está diretamente ligada ao desenvolvimento da situação econômica do Brasil.

E você? Sabe o que é logística portuária e como ela impacta nos processos logísticos? Quer entender mais sobre o assunto? Continue a leitura do artigo de hoje para conferir!

O que é logística portuária?

Logística é o conjunto de ações, ferramentas e processos da área administrativa de uma empresa. No contexto do comércio exterior, podemos dizer que ela envolve aspectos como transporte, armazenamento, recebimento e uso de produtos, insumos ou mercadorias pertinentes às atividades comerciais.

Existem variadas categorias de logística, mas a prioridade é entender que esse é o departamento responsável por fazer com que processos ou pessoas estejam no local certo, na hora certa.

Dito isso, a logística portuária compreende as transações ligadas ao movimento de cargas — seja no transporte, carregamento e descarregamento das embarcações; seja na gestão marítima, entre outros processos.

A logística portuária é considerada uma das mais complexas atividades do nosso país, visto que as instituições responsáveis e os órgãos regulamentadores são altamente exigentes e solicitam a discriminação de muitos dados, o que acaba refletindo no prazo de entrega e no custo das mercadorias.

Como é a estrutura da logística portuária?

Sua estrutura é dividida em três categorias:

Complexo fixo

É o setor responsável pelo conjunto de instalações que formam a estrutura física de toda a logística portuária, como:

  • terminais portuários;
  • portos;
  • armazéns;
  • cais;
  • todos os maquinários e equipamentos envolvidos.

Administração

São as entidades encarregadas de fazer a gestão dos portos, assim como as docas, o GEMPO, o OGMO e o CAP.

Operação

Segmento que lida com as operações portuárias e que é representado por:

  • rebocadores;
  • operadores portuários;
  • pilotos marítimos;
  • Sindicato dos Trabalhadores Avulsos.

De que maneira ela impacta no processo logístico?

Se não existissem os modais de transporte para realizar o frete e transportar as cargas, não haveria nenhum processo logístico. Nesse contexto, os modais são os portos, já que são os pontos em que acontecem processos como:

  • embarque;
  • desembarque;
  • estocagem;
  • armazenamento;
  • movimentação;
  • empilhamento de produtos e mercadorias.

O que atrapalha a logística portuária e afeta a economia do país são as falhas causadas por problemas como falta de investimento, estrutura e modernização; todos agravados pelos processos burocráticos e ineficiência.

Por exemplo: quando um equipamento para de funcionar em um porto, torna-se impossível deslocar outras cargas, o que gera atraso nas entregas e compromete tanto a satisfação do cliente quanto a credibilidade da empresa.

Para enfrentar essas dificuldades seria necessário construir novos terminais, ampliar e investir na manutenção dos que já existem, além de melhorar o acesso por vias terrestres e toda a infraestrutura.

Por que a logística portuária é importante para a economia do país?

A maioria das transações que ocorrem nos portos brasileiros são relacionadas às atividades de comércio exterior. Ou seja, importação e exportação de produtos e insumos voltados à produção. Sendo assim, a logística portuária tem papel fundamental no crescimento da economia do Brasil em nível internacional.

Como você pôde conferir neste artigo, a logística portuária é o conjunto de operações que possibilita todas as atividades de importação e exportação no país. Seus processos estão diretamente ligados ao desenvolvimento econômico da nação e exigem o envolvimento e trabalho de variados níveis operacionais e administrativos.

O conteúdo foi útil para você? Então que tal assinar a nossa newsletter para receber mais artigos como este todas as semanas e se manter por dentro das novidades do setor?

Deixe uma resposta